libertyzine
10 de nov de 2012
21:31
[Este é um famoso trecho de um discurso de Richard Cobden em Manchester, em 15 de janeiro de 1846.]

Nunca tive visão limitada do objeto ou escopo deste grande princípio. Jamais defendi esta questão somente como comerciante.

Porém, já fui acusado de me preocupar demais com interesses materiais. Contudo, posso dizer que já contemplei largamente os efeitos deste poderoso princípio como qualquer outro homem que já tenha sonhado com ele em seus estudos.

Eu acredito que o ganho material será o menor dos benefícios para a humanidade com o sucesso deste princípio. Eu vejo mais longe; vejo no princípio do livre comércio aquilo que atuará no mundo moral como o princípio da gravidade atua no universo - aproximando homens, dissipando antagonismos de raça, credo e línguas, e nos unindo em laços de eterna paz.

Eu olhei para ainda além. Especulei e provavelmente sonhei com quais efeitos teria o triunfo deste princípio no futuro distante - não, mil anos mais tarde.

Eu acredito que o efeito será o de mudar a face do mundo de forma a introduzir um sistema de governo inteiramente diferente daquele que ora prevalece.
Acredito que o desejo e o impulso de grandes e poderosos impérios por enormes exércitos e grandiosas marinhas - o desejo por aqueles materiais usados para a destruição da vida e a ruína dos frutos do trabalho - morrerão; creio que tais coisas deixarão de ser utilizadas ou necessárias quando o homem se tornar uma só família e trocar livremente os frutos de seu trabalho com seu irmão homem.

Eu acredito que, se pudéssemos ser transportados a este cenário na terra, veríamos, num período muito distante, que o sistema de governo deste mundo se reverteria a algo como um sistema municipal; e acredito que o filosofo especulador de daqui a mil anos traçará a maior revolução que já aconteceu na história do mundo ao triunfo do princípio que nos encontramos aqui para defender.

Creio nestas coisas; mas, quaisquer fossem meus sonhos e especulações, jamais os impus a ninguém.

Jamais agi por motivos pessoais ou interessados nesta questão; não busco a aliança de partidos ou favores de partidos, e não aceitarei nenhum. Tendo, porém, o sentimento que tenho em relação à sacralidade de tal princípio, devo dizer que não posso nunca concordar em sabotá-lo.

Eu, ao menos, jamais serei suspeito de fazer algo que não buscá-lo desinteressada, honesta e resolutamente.
Richard Cobden (1804-1865) foi um dos grandes liberais da Inglaterra. Fundou a Anti-Corn Law League e foi um dos maiores opositores do imperialismo britânico no século 19.
Leia mais
Arquivo por Mês: · 2007/02 · 2007/03 · 2007/04 · 2007/05 · 2007/06 · 2007/07 · 2007/09 · 2007/10 · 2008/05 · 2008/06 · 2008/10 · 2009/05 · 2010/02 · 2011/11 · 2012/03 · 2012/07 · 2012/08 · 2012/11 · 2014/09
 Blogger.com